Pokémon Rpg Online
Bem vindo ao Pokemon Rpg online!
Se você ja é um jogador faça login.
Se é visitante e quer começar a jogar, registre-se!
Mas se quer ver o forúm primeiro para decidir se entra ou não aperte
"Não exibir mais".
Ah,vote em nós no top Brasil,é de graça!!!

Ass:Rafa Kimura'

Jornada de May Wolf

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Jornada de May Wolf

Mensagem por May Wolf em 17th Dezembro 2014, 10:34

N escreva aqui se N for um ADM


Última edição por May Wolf em 18th Dezembro 2014, 17:29, editado 1 vez(es)






avatar
May Wolf
Treinador Pokémon
Treinador Pokémon

Poke Regras :
Feminino Número de Mensagens : 177
Idade : 17
Localização : em minha casa
Data de inscrição : 04/12/2012

Ficha de Personagem
Insignias Conquistadas :
1/1  (1/1)
Fitas Conquistadas:
1/1  (1/1)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornada de May Wolf

Mensagem por Akira' em 17th Dezembro 2014, 13:25

Pode começar. Não se esqueça de ler as regras antes de postar.






- Eine Welt ohne Grenzen -
avatar
Akira'
Administrador
Administrador

Poke Regras :
Masculino Número de Mensagens : 486
Idade : 18
Data de inscrição : 22/03/2014

Ficha de Personagem
Insignias Conquistadas :
0/48  (0/48)
Fitas Conquistadas:
0/5  (0/5)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornada de May Wolf

Mensagem por May Wolf em 17th Dezembro 2014, 15:41

Capitulo 1: A Floresta Nebulosa
Captura de Ralts (Fêmea)



Mal tinha conseguido o meu Charmander e já começara a minha jornada, a minha intenção era ir para a Route 1, mas eu não me lembro dela ter várias pedras, Pinheiros enormes cheios de teias e uma densa neblina, não sei como eu vim parar aqui mas como eu sou totalmente desorientada sem um mapa eu não fiquei muito surpresa por ir em algum lugar que não era a Route 1, coloco Charmander para fora da pokebola para que sua chama de sua calda possa iluminar o caminho em seguida começamos a andar.
Caminhei por alguns minutos e já vi que esse lugar é totalmente assustador, ao longo do meu caminho eu vejo pinheiro quebrados, lugares onde aconteceram “explosões” e agora eu acabei de ver....ossos, aqui tem ossos!!, meu coração começa a disparar, a vontade que eu tinha era de sair correndo e gritando igual a uma criancinha, mas como eu sou totalmente desorientada e algumas vezes esqueço muito fácil as coisas, eu não lembro por onde vim, então respiro fundo e continuo a caminhar pela floresta nebulosa totalmente bisara.
Quando estava caminhando pela floresta nebulosa, eu pensava que ela estava deserta, sem pokemons ou humanos, mas como eu tenho muita sorte, começo a ouvir uns barulhos estranhos, meu coração começa a bater mais rápido do que já estava a ponto de eu ter um ataque cardíaco, estava prestes a sair correndo quando Charmander anda na direção do barulho estranho, como eu sou uma treinadora responsável e porque eu não queria ficar sozinha nessa maldita floresta eu vou atrás do meu pequeno pokemon Salamandra.
Enquanto seguia Salamander, eu pensava que o que estivesse fazendo o barulho era enorme, monstruoso e totalmente assustador mas no final das contas acabou sendo uma pequenina Ralts, olho para ela com cara de taxo, ela olha para mim e dá um sorriso travesso, fico a olhando por mais alguns segundos até que eu dou um sorriso malicioso, Ralts é um pokemon forte e quero, podemos dizer que, dar o troco por me assustar com os sons que eu não sei como ela conseguiu fazer.
- Bom, Charmander acho que está vai ser a nossa primeira batalha juntos – eu disse.
- Char, charmander!! – fala Charmander.

Charmander VS Ralts

- Charmander use o Growl para confundi-la depois use o Ember – dei as ordens.
Charmander enche os seus pulmões de ar e usa o Growl, Ralts tampa os seus ouvidos para tentar fazer parar os rosnados de Charmander, o pequeno pokemon salamandra aproveita que Ralts está distraída e usa o Ember e lança várias brasas em Ralts, a pequena pokemon psíquica tira as brasas de si e rapidamente faz vários clones seus com o Double Team, Ralts e suas cópias lançam várias folhas verdes incandescentes na direção de Charmander, o pokemon Salamandra não sabe o que fazer então é acertado pelo ataque, como é do tipo Grass ele não ganha muito dano.

- Charmander use o Smokescreen para dificultar ainda mais a visão da Ralts depois use o Flamethrower – dei as ordens.
Charmander abria a boca e dê-la saia um gás negro que rapidamente rodeava Ralts, Charmander aproveita que Ralts não via nada e lançava um jato de fogo em sua direção, ele pensava que a tinha acertado até que vê Ralts bem ao seu lado, a pequena pokemon psíquica tinha escapado usando o Teleport, Ralts com seus olhos azuis lança charmander contra uma arvore, Charmander se levanta com um pouco de dificuldade.

- Nós não vamos perder! Charmander use o Scratch no chão e jogue areia nos olhos da Ralts depois use o Flamethrower – deis as ordens.
Assim como sua treinadora mandara, Charmander deixava a sua garra direita brilhando e a levava em direção ao chão assim jogando areia nos olhos de Ralts, a pequena pokemon psíquica não esperava esse jogo sujo, ela fica tentando tirar a areia de seus olhos, Charmander aproveita a distração de Ralts e lança um jato de fogo em sua direção, Ralts finalmente tirava a areia de seus olhos, ela via um jato de fogo vindo em sua direção porém não se lembrou de usar o Teleport assim é acertada pelo ataque.

- Boa Charmander, agora use o Growl para confundi-la depois use Flamethrower – dei as ordens.
Charmander enche os seus pulmões de ar e usa o Growl, Ralts tampa os seus ouvidos porém fica de olho em Charmander, o pokemon salamandra lança um jato de fogo na direção de Ralts, a pequena pokemon psíquica usa o Teleport e desvia do ataque porém ela para ao lado esquerdo de Charmander, o pokemon salamandra sabia que ela iria fazer isso então quando avista ela novamente ao seu lado esquerdo, ele lança outro jato de fogo só que dessa vez acerta Ralts e a faz desmaiar.

- Uou! Essa foi boa Charmander – eu disse, respirei fundo, pego uma de minhas pokebola vazias e a lanço – Vai pokebola!!
A pokebola entrava em contato com Ralts, uma luz vermelha saia da esfera vermelha e branca, Ralts era rapidamente envolta da luz vermelha e logo era puxada para dentro da pokebola, a esfera caia no chão e ficava girando de um lado para o outro até que para, Ralts fora capturada.

Final:


Eu sorria que nem uma boba enquanto pegava a pokebola de Ralts, olhava por um momento a esfera depois a guardava, tinha conseguido finalmente capturar o meu primeiro pokemon e ainda ela era muito fofa. Ainda sorria enquanto eu tentava sair dessa floresta nebulosa com o Charmander e minha mais nova companheira.


Última edição por May Wolf em 18th Dezembro 2014, 14:03, editado 2 vez(es)






avatar
May Wolf
Treinador Pokémon
Treinador Pokémon

Poke Regras :
Feminino Número de Mensagens : 177
Idade : 17
Localização : em minha casa
Data de inscrição : 04/12/2012

Ficha de Personagem
Insignias Conquistadas :
1/1  (1/1)
Fitas Conquistadas:
1/1  (1/1)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornada de May Wolf

Mensagem por Akira' em 17th Dezembro 2014, 17:22

Você escreve bem, mas se atente a alguns erros bobos na escrita, como por exemplo ao falar que Ralts era fêmea somente por vê-la, não teria como diferenciar assim tão rápido.

Boa






- Eine Welt ohne Grenzen -
avatar
Akira'
Administrador
Administrador

Poke Regras :
Masculino Número de Mensagens : 486
Idade : 18
Data de inscrição : 22/03/2014

Ficha de Personagem
Insignias Conquistadas :
0/48  (0/48)
Fitas Conquistadas:
0/5  (0/5)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornada de May Wolf

Mensagem por May Wolf em 18th Dezembro 2014, 18:01

Capitulo 2: O Jovem Misterioso
Treinamento de Charmander

Ainda estava na floresta nebulosa, o lugar fica cada vez mais assustador com cada barulho estranho que eu escuto, dessa vez eu estava segurando Charmander em meus braços para que ele não saia correndo, sei, se não fosse o Charmander eu não teria a Ralts mas mesmo assim eu não quero correr risco de ter um ataque cardíaco porque meu coração ainda está bastante acelerado, respiro fundo, seguro firme o charmander e tento procurar a saída dessa floresta nebulosa.
Caminhava na tentativa de sair dessa floresta mas como sempre eu falhei, se não consigo passar nem da terceira noite no Five Night At Freddy’s eu não consigo sair de uma floresta, então eu sento embaixo de um dos pinheiros e coloco Charmander para dentro da pokebola, me lembro do pinheiro de Thalia no Acampamento Meio Sangue, daria quase qualquer coisa por um bom livro, fico descansando até que um barulho chama a minha atenção, não, um barulho não mas sim uma voz, levanto rapidamente e dessa vez sou eu que sigo o som e não Charmander (obviamente, porque ele estava dentro da pokebola, dã).
Como a besta aqui esqueceu de colocar o Charmander para fora da pokebola eu começo a tropicar em tudo que está no chão, já tropiquei em pedras, raiz de arvore e provavelmente em um pequeno pokemon porque antes eu ouvi um guincho de um, parei um pouco para descansar, a voz estava mais alta agora, estava falando “por aqui” e “venha, eu lhe mostrarei a saída”, se isso fosse um filme de terror eu já estaria morta, com certeza, porque qual é o abestado que segue uma voz no meio de uma floresta nebulosa toda assustadora?, bom, eu, respiro fundo e continuo a caminhar sem ver quase nada no caminho enquanto coloco Charmander para fora da pokebola.
Quando eu consigo ver um vulto do que parecia ser de uma pessoa, moa aqui cai de cara no chão, comendo areia como um bônus, sento no chão cuspindo a areia que tinha entrado na minha boca, depois conto se todos os meus dentes ainda estavam no lugar, me levanto, tiro a areia da minha roupa, respiro fundo e olho para onde eu tinha visto o vulto, o que eu vejo é um lindo garoto de curtos cabelos negros, olhos de um azul bem profundo, pele pálida, atlético, ele estava usando uma camiseta preta, um cachecol vermelho, uma calça jeans e um tênis preto, ele percebe que eu o estava encarando, então ele dá um sorriso malicioso.
- Então você seguiu a minha vós – diz ele.
- Não, imagina, esse é o meu fantasma – eu retruco.
Ele joga a cabeça para trás e começa a rir, depois de alguns segundos ele me olha, me olha mesmo, do meu rosto, parando um pouco nos meus peitos (que vergonha!), na minha cintura, na minhas cochas e pernas, depois volta a olhar nos meus olhos.
- Além de bonita é engraçada – diz ele.
Eu simplesmente não consigo falar nada além de ruborizar, é meio difícil falar alguma coisa quando se olha para aquele olhos azuis e quando alguém te chama de bonita.
- Sabe porque eu te trouxe aqui? – pergunta ele.
Ainda não confiando na minha vós eu apenas balanço a cabeça.
- Eu sei onde é a saída dessa floresta e eu gostaria de te ajudar a sair dela – fala ele.
- Por que você me ajudaria? – pergunto com a minha voz um pouco esganiçada.
- Porque você é bonita e porque eu quero cobrar um favor futuramente – diz ele.
Sabia, nunca confie em uma cara bonito em uma floresta nebulosa, quem sabe que tipo de favor vai ser, fico tentada a recusar a sua ajuda mas essa poderia ser a minha única chance de sair dessa floresta, bom, se ele saber mesmo a saída.
- Ta, eu te deverei um favor se você me tirar daqui – eu falo.
- Que bom, então vamos? – pergunta ele.
- Só espera um pouco – eu digo – qual é o seu nome?
- Stark Night – ele responde -  e qual seria o seu jovem dama?
- May Wolf – eu respondo – é um prazer em conhece-lo Stark.
- Igualmente May – fala Stark.
Stark começa a caminhar, estava pronta para segui-lo quando um vento frio passa por mim, eu não me aguento e começo a tremer, Stark percebe e vem em minha direção, ele passa o seu braço esquerdo ao redor de meus ombros e me pressiona contra o seu corpo, eu só não me afastei porque com ele perto de mim estava mais quente e porque não é todo dia que eu posso ficar com o meu corpo grudadinho em um gato como o Stark.
Estávamos andando pela floresta com nossos corpos grudados (não literalmente) um no outro, quando alguma coisa atinge o pinheiro ao nosso lado, o pinheiro se quebra e cai (por sorte, não em cima da gente), olho para todos os lados e me concentro em um pois lá estava um pokemon roxo com mão sem braço e uma língua enorme (o descrição do capiroto), sabia exatamente qual era aquele pokemon pois um tinha assombrado o meu quarto por uns bons meses (nem queira saber o que aconteceu lá), e ele é um Haunter, Charmander rapidamente se para na nossa frente, ele ainda estava machucado por causa da batalha contra a Ralts mas vejo que ele quer batalhar novamente (esse é o meu garoto!!)
- Stark, pode deixar comigo – eu falo já (infelizmente) me afastando de seu aperto.
- Ok, quero ver o quão forte vocês são – fala Stark.

Charmander VS Haunter

- Charmander use o Growl depois use o Flamethrower – dei as ordens.
Charmander enche os seus pulmões de ar e usa o Growl, Haunter tampa os seus ouvidos na tentativa de parar os rosnados, Charmander aproveita a distração e lança um jato de fogo na direção do Haunter, o pokemon fantasma só percebe o jato de fogo no último segundo assim ele é acertado pelo ataque, Haunter cai no chão mas rapidamente ele se levanta e joga uma esfera escura na direção de Charmander, o pequeno pokemon salamandra não sabia o que fazer, então ele é atingido pelo ataque de Haunter.

- Charmander use o Smokescreen para impossibilitar a visão de Haunter e depois use o Ember – dei os comandos.
Charmander abre a sua boca e de lá sai uma fumaça negra que logo fica ao redor de Haunter, o pokemon fantasma ficara apavorado com a fumaça negra, ele começa a jogara várias esfera escuras para todos os lados, uma delas quase atinge Charmander que recua alguns passos antes de encher a sua boca de brasas e as lançar em Haunter, para piorar a situação de Haunter, ele é atingido por várias brasas e fica se sacudindo para tira-las.

- Charmander use o Scratch no chão e jogue areia nos olhos de Haunter depois finalize com o Flamethrower – dei os comandos.
Charmander estava prestes a deixar a sua garra direita brilhando quando ele é atingido por outra esfera escura, Charmander é arremessado para trás e acaba batendo em uma arvore, o pequeno pokemon salamandra se levanta com dificuldade, ele já estava bastante machucado por causa da batalha contra Ralts, agora ele ficara pior porém Charmander não desiste, ele chega mais perto de Haunter que agora não estava mais envolto em uma fumaça negra, Charmander deixa a sua garra direita brilha e a leva ao chão assim jogando areia nos olhos de Haunter, o pokemon fantasma se distrai tentando tirar a areia de seus olhos, Charmander aproveita e lança um jato de fogo na direção de Haunter, o pokemon fantasma nem consegue ver o ataque chegando assim é atingido .

- Boa Charmander! Vamos mostrar ao Stark o quanto nós somos fortes! Charmander agora use o Ember e finalize com o Flamethrower – dei os comandos.
Charmander enchia a sua boca de brasas e em seguida as lançava em Haunter, o pokemon fantasma finalmente conseguira tirar a areia de seus olhos e vira as brasas indo em sua direção, Haunter consegue desviar e vai em direção a Charmander, Haunter lambe o pequeno pokemon salamandra, Charmander fica paralisado por um momento mas logo via a preocupação de sua treinadora e se esforçava para lançar outro jato de fogo, Haunter estava muito perto de Charmander para desviar do jato de fogo assim ele é atingido e acaba por desmaiar.

Final:

- Nada mau – diz Stark.
- Muito obrigado – eu falo com um sorriso no rosto.
Stark dá um sorriso malicioso e fica me olhando, eu apenas o ignoro (foi muito difícil, porque é difícil ignorar um gato como o Stark), eu ando até o meu Charmander e o pego no meus braços.
- Bom trabalho Charmander – eu digo enquanto o coloco na pokebola.
- Então vamos? – pergunta Stark.
- Vamos – eu respondo.
Stark começa a andar e eu vou andando ao seu lado, torcendo para que ele me leve mesmo para a saída dessa floresta, no último instante eu olho para trás e vejo que Haunter sumira, bem, isso é estranhos mas ele é um pokemon fantasma, então nem tanto, olho para frente novamente e sigo Stark para a possível saída da floresta nebulosa.






avatar
May Wolf
Treinador Pokémon
Treinador Pokémon

Poke Regras :
Feminino Número de Mensagens : 177
Idade : 17
Localização : em minha casa
Data de inscrição : 04/12/2012

Ficha de Personagem
Insignias Conquistadas :
1/1  (1/1)
Fitas Conquistadas:
1/1  (1/1)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornada de May Wolf

Mensagem por Akira' em 19th Dezembro 2014, 14:49

Poderia retirar algumas descrições repetitivas e que não tiram o sentido da história. Isso torna o texto um pouco enjoativo de se ler.

3 Estrelas






- Eine Welt ohne Grenzen -
avatar
Akira'
Administrador
Administrador

Poke Regras :
Masculino Número de Mensagens : 486
Idade : 18
Data de inscrição : 22/03/2014

Ficha de Personagem
Insignias Conquistadas :
0/48  (0/48)
Fitas Conquistadas:
0/5  (0/5)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornada de May Wolf

Mensagem por May Wolf em 23rd Dezembro 2014, 19:02

Capitulo 3: Um Novo Companheiro de Jornada
Treinamento de Charmander

Aviso: Contém alguns palavrões

No final das contas Stark estava falando a verdade, graças a ele eu consegui sair da floresta nebulosa, quando a floresta acabava tinha um vilarejo que tinha várias casas de madeira, um parquinho cheio de flores e arvores de cerejeira e (para a minha sorte) um centro pokemon.
- Bom, muito obrigado Stark – eu agradeci.
- De nada, só não se esqueça de seu favor – fala Stark.
- OK, vou tentar não esquecer – falei.
Dou um sorriso a Stark e começo a ir para o centro pokemon, fiquei meio desapontada por ele não ter vindo junto mas fazer o que, tudo que é bom dura pouco, respiro fundo e entro no centro pokemon.
Quando entro no centro pokemon eu já sou recebida aos gritos, bom, eles não são direcionados a mim mas são tão altos que me fizeram estremecer, olho para o balcão e vejo um garoto alto, atlético e aparenta ser musculoso, tem curtos cabelos negros com mechas brancas, sua pele é morena, ele está vestindo uma camiseta azul, calça jeans e tênis pretos, mesmo de costas ele me parecia bem familiar.
- To nem ai se tem pokemons mais feridos que os meus! – grita o garoto – estou esperando alguém e ela pode vir a qualquer momento, então anda logo!
- Calma! – fala a enfermeira Joy – você vai ter que esperar e além do mais é só um arranhão no seu Charmeleon.
- Não importa! Ele é o meu astro! – grita o garoto – ele não pode ficar nem com um arranhão.
- Epa! – eu gritei – é apenas um arranhão cara.
O garoto bate o pé direito com força no chão e fica bufando, e mesmo antes de ele virar, eu descobri o porquê de que ele é tão familiar, esse mané escandaloso ai é o meu irmão gêmeo, Scott, nós temos os mesmo cabelos negros, os mesmo olhos azuis e....até nós dois somos atléticos e musculosos, a única coisa que nos diferencia é os nossos cabelos, além de eles serem de cortes diferentes, ele tem mechas brancas e eu tenho mechas azul claro.
Quando ele se vira e me olha, os seus olhos se esbugalham (acho que é assim que se fala), ele me olha dos pés à cabeça e depois para nos meus olhos, ai volta ao seu olhar arrogante de sempre, ele limpa a garganta e guarda a pokebola de seu Charmeleon (que por coincidência é irmão do meu Charmander).
- Então você chegou – diz ele.
- Não, esse é só o meu defunto – eu disse.
- Para com isso May – repreende Scott.
- Porque eu deveria? – perguntei.
- Por que eu estou aqui para te ajudar na sua jornada – responde ele.
- E porque você me ajudaria? – perguntei.
- Porque eu sou o seu irmãozinho queridinho – responde ele com um beicinho.
- A mamãe te obrigou não é? – perguntei.
- É – responde ele.
- Então, você está aqui para me ajudar em que? – perguntei.
- Ué, você é totalmente desorientada, então eu vou ser a sua bússola – responde Scott.
- Eu não…ta, você pode vir comigo – eu falei.
Scott suspira e dá um sorriso feliz, ou pelo menos tenta, porque nem ele está muito feliz com essa ideia, é que, bom, nós podemos ser irmãos e ainda gêmeos, mas nós não somos muito chegados, então quando nós podemos ir em nossas jornadas pokemons, nós escolhemos nossos pokemons (que ambos escolhemos um Charmander) e fomos para direções diferentes, mas ele deve ter descoberto que eu ainda não tinha chegado em Viridian City e foi falar com mamãe e por sua vez fez ele vir me “resgatar”, eu devo ter ficado um bom tempo na floresta, porque como aquele desgraçado chegou antes de mim aqui?
Suspiro e vou ao balcão aonde estava a enfermeira Joy para dar a ela a pokebola de Charmander e Ralts. Depois que meus pokemons já estão curados, vou ao sofá onde o meu irmão estava dormindo de boca aberta (Eck!), eu pego os ombros dele com delicadeza e começo a chacoalhar bruscamente.
- Acorda seu puto! – eu gritei – ta na hora de acordar!
Scott abre os olhos com uma expressão de assustado e....me dá um soco na barriga, o maldito me deu um soco na barriga!  Cambaleio para trás e envolvo a minha barriga com os meus braços e começo a gemer de dor.
- Isso doeu seu puto! – gritei para Scott.
- Ué! Quem mandou me acordar assim? – retruca Scott.
- Bom...esquece, só...vamos logo – eu falei com certa dificuldade.
- Ok – fala Scott – você quer alguma...ajuda?
- Não! – falo levantando a minha mão direita para bloqueá-lo -  você já fez muito hoje.
- Ok... – fala Scott.
Eu coloco os meus braços ao lado de meus corpo e fico ereta, respiro fundo e começo a caminhar para fora do centro pokemon, mesmo que a minha barriga ainda esteja doendo por causa do soco.
Enquanto caminhávamos, Scott estava na frente mostrando o caminho e sendo a minha “bússola”, caminhamos um longo tempo até que avistamos uma cena incomum, o que era para ser a Floresta de Viridian parecia ser mais uma floresta de gelo, pois as arvores estavam congeladas porém estavam começando a derreter, no chão tinha uma grossa camada de neve, parecia que uma avalanche tinha passado por aqui (bom, mais ou menos pois não tem arvores quebradas nem nada).
- O que aconteceu aqui? – eu perguntei meio histericamente.
- Articuno está passando por todos os continentes, então ele congelou a Floresta de Viridian – responde Scott.
- A-Articuno – falei histericamente.
- Não tenha medo bebe chorona – fala Scott com um beicinho – Articuno já saiu daqui e além do mais ele não iria machucar nós.
- Então tá – falo tentando me tranquilizar.
- Ei! Eu tive uma ideia – fala Scott.
- Fala jumento – eu falei.
- Vamos batalhar – fala ele – isso é que aconteceu na Floresta é uma coisa única, pode ser bem maneiro a gente batalhar aqui.
Dei um enorme sorriso e olhei nos olhos dele num tom desafiador, agora sim ele ta falando na minha língua.
- Vamos nessa – eu falei.
- Vamos Pikachu! – Fala Scott enquanto joga uma pokebola e que de lá saia um Pikachu.
- Charmander acabe com ele! – eu disse jogando a pokebola de charmander.
- Voraz como sempre – diz Scott chacoalhando a cabeça.
- Cala a boca e vamos começar -  eu disse.

Charmander VS Pikachu
     
- Charmander use o Growl e depois use o Ember – dei as ordens a Charmander.
- Pikachu use o Tail Whip e depois use o Thunder Shock – Scott dá as ordens ao Pikachu.
Charmander rapidamente enche os seus pulmões de ar e depois dá um longo rosnado, Pikachu tampa as suas orelhas tentando fazer parar o rosnado que lhe incomoda, Charmander aproveita a distração de Pikachu e enche a sua boca de brasas em seguida as dispara em Pikachu, o rato elétrico consegue tirar as brasas de si rapidamente e em seguida investe em Charmander com a sua calda, Pikachu consegue acertar Charmander com a calda assim diminui a defesa do Charmander, o rato elétrico não perde tempo e rapidamente lança uma carga elétrica em Charmander assim o fazendo cambalear para trás.

- Isso foi bom mas não bom o suficiente! – fala Scott – Pikachu use o Quick Attack e me surpreenda com o mesmo em seguida use o Electro Ball.
- Vamos ver! – falei – Charmander use o Smokescreen para impossibilitar a visão de Pikachu depois use o Flamethrower.
Charmander rapidamente libera uma fumaça negra de sua boca que envolve Pikachu, mas o rato elétrico é mais rápido e usa o Quick Attack para ir mais rapidamente para atrás de Charmander de depois liberar uma esfera elétrica, Charmander consegue perceber o ataque porém não consegue desviar, ele é lançado para trás mas rapidamente se levanta e lança um jato de fogo, Pikachu não sabia o que fazer então ele só fica parado e é acertado pelo ataque.

- Bom, até que foi bom – fala Scott – Pikachu use o Double Team e finalize com o Electro Ball.
- Se ferra! – falei – Charmander use o Fire Fang e finalize com Flamethrower.
Pikachu rapidamente criava vários clones seus que se espalhavam pela Floresta de Viridian que estava congelada, Charmander deixa a sua boca flamejante e avança em um dos Pikachus, o pequeno pokemon salamandra consegue morder um dos Pikachus, porém não era o verdadeiro então o Pikachu falso some, Charmander olha com raiva para os outros Pikachus e lança Jatos de fogo em suas direções porém nenhum deles era o verdadeiro Pikachu, o verdadeiro rato elétrico estava escondido em uma das arvores, quando todos os seus clones desaparecera, Pikachu sai de seu esconderijo e lança uma esfera de energia em Charmander, o pequeno pokemon tenta desviar porém tropeça nas próprias patas e cair, em seguida ele é acertado pelo ataque e acaba desmaiando.

Final:







Eu apenas consigo olhar para Scott com a boca aberta enquanto ele faz a dança da vitória, depois de alguns longos segundos eu olho para Charmander, ele batalhara bem mas Pikachu foi melhor, apenas dou um leve sorriso e o coloco na pokebola.
- Toma! – fala Scott – pensou que ia ganhar mas não ganhou!
- A fica quieto! – eu falei.
- Há há, se ferra ai – fala Scott com um sorriso bobo na cara enquanto ainda fazia a dança da vitória.
- Só vamos Ok? – eu falei.
- Há há, nop – fala Scott.
Eu apenas bufo e começo a caminhar pela Floresta de Viridian, nem ai que o Scott fosse a minha “bussola”, eu simplesmente não aguento mais nem um segundo perto daquele mané.


Última edição por May Wolf em 24th Dezembro 2014, 10:22, editado 1 vez(es)






avatar
May Wolf
Treinador Pokémon
Treinador Pokémon

Poke Regras :
Feminino Número de Mensagens : 177
Idade : 17
Localização : em minha casa
Data de inscrição : 04/12/2012

Ficha de Personagem
Insignias Conquistadas :
1/1  (1/1)
Fitas Conquistadas:
1/1  (1/1)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornada de May Wolf

Mensagem por BellWolf em 24th Dezembro 2014, 07:26

May, sua jornada tem uma história bastante interessante, mas houveram muitos erros por ela toda. A descrição dos movimentos não está muito boa, visto que você narra apenas o básico do ataque, e todo o seu texto está um pouco ruim de ler. Tente diminuir o número de vírgulas por parágrafo e também tirar esse azul cegante de suas falas. Não posso esquecer de falar que gostei da derrota de sua personagem, pois muitos players esquecem que estão sujeitos a falhas e batalham mil vezes sempre vencendo.

3 estrelas.




avatar
BellWolf
Administrador
Administrador

Poke Regras :
Masculino Número de Mensagens : 2070
Localização : Em minha casa
Humor : Entediado
Data de inscrição : 27/05/2012

Ficha de Personagem
Insignias Conquistadas :
1/1  (1/1)
Fitas Conquistadas:
1/1  (1/1)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornada de May Wolf

Mensagem por May Wolf em 24th Dezembro 2014, 16:37

Capitulo 4: Uma Batalha Inesperada
Treinamento de Charmander e Ralts
Aviso:
Contém alguns palavrões

Depois de algumas horas, Scott e eu conseguimos começar a sair da Floresta de Viridian, eu ainda estava emburrada por ter perdido a batalha para o Scott, porque fala sério! Nós saímos para as nossas jornadas no mesmo dia, como ele pode ter ficado tão forte?
Scott percebeu a minha inquietação e olhou nos meus olhos.
- Ainda está brava? – pergunta Scott – que bebe chorão.
- Cala a boca – eu falei e continuei andando mas olhando sempre em seus olhos.
- Hum...May, acho melhor você olhar para a frente – fala Scott.
- O que... – comecei a falar e a olhar para a frente.
Não consegui continuar a falar porque eu pechei em um poste, não sei de onde veio pois a última vez eu tinha olhado para a frente tudo o que eu via era arvores e não postes.
- De onde isso veio? – perguntei esfregando a minha cara com a mão direita.
- É que nós chegamos em Pewter City – diz Scott.
-Oh! Mas já! – falei.
- Ué, quando se está comigo você chega rapidinho e com segurança – fala Scott.
- Nada aver – eu falei.
- Se ferra – fala Scott.
Respiro fundo e olho para a cidade, bom, era para ser Pewter City, agora ela está cheia de neve e gelo, as casas, o centro pokemon, o pokemart e até o Ginásio estavam com resíduos de gelo, o chão estava que é pura neve, e tinha crianças com seus pokemons aproveitando este clima fazendo bonecos de neve, guerra de bolas de neve e etc.
- Articuno passou por aqui – eu falei.
- Obviamente jumenta – falou Scott – ele está passando por todo o continente.
- Cala a boca e vamos logo para o centro pokemon – eu falei.
Scott estava prestes a falar mas eu pego a sua orelha direita e começo a arrastar ele até o centro pokemon, ele ficou gemendo de dor o caminho todo e isso me fez ficar feliz e tirou a tristeza de eu ter perdido a batalha, posso não ter ganhado aquela batalha mas causar dor nele sempre me deixa satisfeita.
Depois de eu ter curado o Charmander e Scott curado o Pikachu, nós estávamos prontos para sair do centro pokemon quando um cara com um Geodude e um Bulbasaur entram no centro pokemon, ele vem na nossa direção e aponta o dedo indicador da sua mão direita na minha direção.
- Eu te desafio para uma batalha – fala ele.
- Eim? – pergunto fazendo uma cara WTF.
- Eu estou te desafiando para uma batalha – responde o garoto.
- É, eu sei – eu disse.
- Então porque perguntou? – pergunta ele.
- É que eu nem ti conheço e já está me desafiando para uma batalha – eu respondi.
- É que...bom...vai querer batalhar ou não? – pergunta ele.
- Eu vou mas antes fale o seu nome – eu falei.
- Miles Valdez e o seu? – pergunta ele.
- May Wolf – respondi.
Eu olho para Miles e só agora que eu percebi que seu cabelo é...roxo, seus olhos sãos castanhos bem claro, sua pele é morena, ele não é do porte atlético igual ao Scott mas também não aparenta ser fraco, Miles estava vestindo uma camiseta cinza, calça jeans e tênis cinza.
- Então vamos – fala Miles.
Miles nos leva (isso mesmo, nos leva, porque o idiota do Scott foi para ser a plateia) para um campo de batalha que deveria ser de terra e cheio de pedras, mas tudo que se via era um campo de batalha coberto por uma expeça neve.
- Vamos nessa Geodude e Bulbassaur – fala Miles e logo os seus pokemons vão para o campo de batalha.
- Pera ai – eu falei – dois pokemons?
- É, você só tem um? – pergunta Miles.
- Não, eu tenho dois mas eu nunca batalhei com os dois ao mesmo tempo – eu disse.
- Não se preocupe é fácil – fala Miles.
- Então tá, vamos nessa Charmander e Ralts – eu falo jogando as pokebola deles.

Charmander e Ralts VS Bulbasaur e Geodude

- Bulbasaur use o Vine Whip e pegue o Charmander depois o lance e finalize com o Razor Leaf – fala Miles – Geodude use o Tackle e finalize com o Rollout.
- Charmander use o Scratch para lançar o Vine Whip para longe depois finalize com o Flamethrower – eu disse – Ralts use o Teleport e desvie depois finalize com o Confusion e o erga no ar depois o lance contra o chão.
Bulbasaur lança um cipó em Charmander, porém o pequeno pokemon salamandra deixa a sua garra direita brilhando e desvia o cipó com a garra, Bulbasaur rapidamente lança várias folhas afiadas na direção de Charmander porém o pequeno pokemon salamandra lança um jato de fogo e queima as folhas e acaba por acertar Bulbasaur.
Geodude vai na direção de Ralts preparado para usar o Tackle porém Ralts rapidamente se Teleporta para trás de Geodude e rapidamente usa o Confusion assim o erguendo no ar e depois o jogando contra o chão.

- Essa foi boa – diz Scott – mas ainda não é o suficiente para me derrotar.
- Scott cala a boca! Agora Charmander use o Smokescreen para impossibilitar a visão de Bulbasaur e finalize com o Ember – eu disse – Ralts use o Double Team e finalize com o Confusion assim o erguendo novamente no ar e depois o jogando contra o chão.
- Bulbasaur use o Take Down e finalize com o Razor Leaf – diz Miles – Geodude use o Defense Curl e finalize com o Rollout.
Charmander abria a sua boca e de lá saia uma fumaça negra que envolvia Bulbasaur, o pequeno pokemon grass/poison tenta usar o Take Down porém ele não vê nada graças a fumaça negra e acaba por tropeçar em seus próprias patas e cair, Charmander enche a sua boca de brasas e em seguida as dispara na fumaça negra, já que Bulbasaur não conseguia ver nada ele era acertado pelas brasas, Bulbasaur se esquece de usar o Razor Leaf pois estava tentando tirar as brasas de si.
Ralts rapidamente cria clones e se espalham pelo campo de batalha, Geodude usa o Defense Curl e aumenta a sua defesa em seguida ele se encolhe e começa a rolar na direção de uma das Ralts, porém era a Ralts errada, a Ralts verdadeira se para na frente de Geodude e o ergue novamente no ar e depois o lança no chão.

- Bom, bom a parte da Ralts foi um pouco repetitivo mas foi boa – fala Scott enquanto chacoalhava a cabeça.
- Da para calar a boca Scott? Charmander use o Growl e finalize com o Flametrower – eu falo – Ralts use o Magical Leaf e finalize com o Confusion o erguendo e o jogando repetitivamente no chão.
- Bulbasaur use o Razor Leaf e finalize com o Sleep Powder – diz Miles – Geodude use o Tackle e finalize com o Rollout.
Charmander enche os seus pulmões e dá um longo rosnado, Bulbasaur começa a se encolher e tampa as suas orelhas com dois cipós, Charmander aproveita a distração de Bulbasaur e lança um jato de fogo em sua direção, quando Bulbasaur se desencolhe já era tarde demais, ele é acertado pelo ataque de fogo e acaba desmaiando.
Ralts lança folhas de cor verde incandescente na direção de Geodude, o pokemon de pedra é acertado pelas folhas mas continua a ir na direção de Ralts e em seguida usa o Tackle, Ralts não esperava por isso então ela é acertada mas logo se recupera e usa o Confusion assim erguendo Geodude e o lançando no chão consecutivamente até ele desmaiar.

Final:



Eu rapidamente recolho os meus pokemons, respiro fundo e encaro Miles.
- Boa batalha – eu disse.
- Igualmente – fala Miles e em seguida se dirige para o centro pokemon.
- É, nada mal – fala Scott – mas vai ter que fazer melhor para ganhar de mim.
- Quantos cala a boca eu vou ter que falar? – eu disse.
Comecei a caminhar em direção ao centro pokemon, nem me preocupando se Scott estava ou não me seguindo, afinal, eu queria era me livrar dele o mais rápido possível.






avatar
May Wolf
Treinador Pokémon
Treinador Pokémon

Poke Regras :
Feminino Número de Mensagens : 177
Idade : 17
Localização : em minha casa
Data de inscrição : 04/12/2012

Ficha de Personagem
Insignias Conquistadas :
1/1  (1/1)
Fitas Conquistadas:
1/1  (1/1)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornada de May Wolf

Mensagem por Dtwist em 30th Dezembro 2014, 14:20

Avaliação: 4 Stars

Sua história esta meio corrida e você esta usando muito a conversa para dar volume ao seu texto. Da próxima vez narre bem mais os fatos e eu gostei da narração da batalha, porém esta curta e tem poucos ataques.

As avaliações agora estão mais fáceis, não seremos tão rígidos.

Chamander evoluiu 30/12/2014




avatar
Dtwist

Poke Regras :
Número de Mensagens : 384
Data de inscrição : 17/03/2014

Ficha de Personagem
Insignias Conquistadas :
1/1  (1/1)
Fitas Conquistadas:
1/1  (1/1)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Jornada de May Wolf

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum