Pokémon Rpg Online
Bem vindo ao Pokemon Rpg online!
Se você ja é um jogador faça login.
Se é visitante e quer começar a jogar, registre-se!
Mas se quer ver o forúm primeiro para decidir se entra ou não aperte
"Não exibir mais".
Ah,vote em nós no top Brasil,é de graça!!!

Ass:Rafa Kimura'

Shadows — Kaay

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Shadows — Kaay

Mensagem por Kaay em 20th Dezembro 2014, 15:10


Shadows
Detetive particular




Aproveitem toda a trama que escreverei.



Crédito do template a Tamy!






avatar
Kaay
Treinador Pokémon
Treinador Pokémon

Poke Regras :
Masculino Número de Mensagens : 1600
Idade : 17
Data de inscrição : 18/12/2012

Ficha de Personagem
Insignias Conquistadas :
1/1  (1/1)
Fitas Conquistadas:
1/1  (1/1)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Shadows — Kaay

Mensagem por Kaay em 21st Dezembro 2014, 12:10


O crime
Vs Zigzagoon




00:00 ~ Slateport Oceanic Museum


— Mightyena, Crunch! — Ele vestia um terno de linho preto, o chapéu cobria o rosto e impedia a câmera de identificar quem era. Os dois capangas ao lado vestiam a mesma roupa, mas não usavam qualquer tipo de pokémon.

Mightyena atacou o alvo que estava fora do alcance das câmeras, voltando rapidamente para seu dono, indo embora de um jeito sombrio, de maneira como se acabasse de matar a pessoa mais importante de toda Hoenn.

Um grito de mulher fora ouvido.

As sirenes do carro da polícia eram alta se despertavam todos os moradores dali. Uma multidão já começava a se reunir na porta do museu para ver o ocorrido.

— Ele morreu com uma mordida no pescoço. — disse um policial para o outro. Ele parecia um pouco preocupado com toda aquela multidão ali.

— Foi um pokémon grande que o pegou. — retrucou o outro, cobrindo metade do corpo. Com a chegada da ambulância, levaram o cadáver para o necrotério — que não era lá muito perto dali —.

— Acho que devemos chamar ele para ajudar na investigação. — disse o oficial, chegando perto dos outros dois policiais. — Acham que devemos? — assentiram com a cabeça e partiram dali nos carros de polícia. Não usaram mais a sirene.


07:00 ~ Slateport city Kaayan's Department of investigation



O telefone tocou uma única vez para ser atendido. O papel de parede fosco dava um tom vintage para o lugar, e a mesa de estudos bagunçada parecia desmoronar se mais um papel fosse posto ali.

— Alô? — atendi, escutando sobre as notícias que saíram no jornal logo de manhã. — Sim, eu fiquei sabendo que o Wallace morreu. Está na primeira página de todos os jornais de Hoenn. — coloquei o jornal na mesa e tomei um gole do chocolate quente. — Certo, irei para aí agora mesmo! — desliguei o telefone e me levantei, já  com as roupas trocadas.

Abri a porta e passei por ela, fechando e a trancando logo em seguida. O sol brilhava forte no chão, mas a multidão que estava triste nos bancos da praça de Slateport City, fazia tudo parece um enterro.
Tudo bem que eu estava lá para descobrir o ocorrido, mas não era para tanto. Wallace foi um dos campeões mais renomados de Hoenn, mas ele morreu. Passado. Quantas pessoas não morreram nos últimos anos ali naquela mesma cidade?
O pior era que, por toda Hoenn essa tristeza estava presente. Nenhum noticiário deixou de falar sobre aquilo.

Perguntas esmagavam minha mente. Por qual motivo? Quem? O que quer? Tinha que descobrir isso rapidamente, só para garantir que não haveria mais mortes.

O departamento não era muito longe do museu. Cheguei e um policial me parou, apontando para as faixas de restrições da polícia.

— Apenas pessoas permitidas! — disse o policial, usando uma frada azul. Um Zigzagoon estava parado ao lado dele, olhando para todas as direções, atento.

— Sou Kaayan, detetive responsável pelo caso. — respondi, tentando passar e ir até a cena do crime.

— Duvido. Dizem que Kaayan consegue resolver de tudo, mas você não se parece com um detetive. — Zigzagoon adiantou-se, tentando me atacar.

Eu realmente não sabia como ele imaginava um detetive. Uma pessoa vestida como se ainda vivesse no passado, que corresse entre os prédios e tinham uma boa lógica?
Eu deveria fumar um cachimbo e falar coisas sem nexo para outras pessoas que fariam total sentido?
Ou então deveria criar um bordão como: Elementar, meu caro Watson?

Eu buscava inspiração no detetive fictício Sherlock Holmes, todavia eu não era ele. Não podia criar bordões tão criativos. Afinal, olhe para minhas roupas. Uso um sobretudo acinzentado, o cabelo não era de todo arrumado e o estilo de fala completamente confuso era uma boa observação. Não era do tipo que fumava, mas as lógicas eram eficazes.

— Já que não quer acreditar, que tal uma pequena batalha? — sugeri. Ele sorriu e Zigzagoon avançou roçando as garras no solo. — Torchic, eu escolho você! — arremessei a Pokébola e dela um Torchic brilhante saiu de lá. Ele era raro e poucos conseguiam um. Boquiaberto, o policial pediu para Zigzagoon atacar. Retirei uma Pokedéx do bolso do sobretudo e apontei para o pokémon.



Zigzagoon, the TinyRaccoon Pokémon.
Zigzagoon é extremamente curioso então acaba andando em ziguezague entre as coisas que lhes interessem.


— Zigzagoon, inicie usando o Tackle! — mandou o policial, que sorria como se a batalha já estivesse ganha. Ele arrumou a roupa e estralou os dedos, dizia para que viesse com tudo.

— Torchic, inicie com um Sand Attack, prosseguido de um Quick Attack. — pedi. Torchic olhou para trás e fez que sim com a cabeça.

O pokémon do tipo normal avançou com Tackle, correndo o mais rápido que podia. Parecia bem treinado, pois naquele terreno ele corria rápido e suas pequenas garrias jogavam terra para trás. Torchic virou-se para mim usando o Sand Attack. Jogou terra nos olhos do adversário, o fazendo errar o primeiro ataque e cair de cara na terra.
No meio de tanta terra que estava em forma de poeira, Torchic saltou usando o Quick Attack e desceu mirando no Zigzagoon que se recuperava da queda. Por pouco ele conseguiu escapar do ataque, um pouco perdido com toda aquela confusão de terra.

— Torchic, use o Ember para se defender. — disse para Torchic. Ele começou a se preparar para atacar.

— Hahaha, Headbutt nele. Quero ver você se defender disso. — riu o policial. Ainda não saíra de sua postura confiante.

Era fácil se defender de um Headbutt. Se ele se aproximar, será acertado pelo Ember.

Não era comum Torchic usar o Ember, mas ele sempre fazia um esforço para dar o melhor e, não foi diferente. O pintinho respirou e fechou os olhos, saltando e mandando uma grande quantidade de brasas na direção do Zigzagoon, que corria com uma grande velocidade e cercado de uma luz clara. Foi atingido pelo Ember, mas teve forças para continuar com o Headbutt e acertar Torchic no peito.
Caiu de costas no chão sem ar.

— Torchic, eu confio em você! — disse, olhando diretamente para o policial que caçoava o meu pokémon caído no chão.

— Era com isso que você quer me vencer? Hahahaha, quem sabe um dia! — gritou o policial, distraindo Zigzagoon, que também ria do pokémon caído.

Dava para perceber que Torchic já não estava lá muito contente com tudo isso e emanava raiva. Avançou com um salto para usar o Peck.

— Zigzagoon, use sua estratégia especial. Dig! — anunciou o policial, observando o pokémon cavar e entrar na terra.

As garras de Zigzagoon eram rápidas e ele mair rápido ainda quando o assunto era escapar de um ataque. Torchic errou o Peck, olhando logo em seguida para o buraco, a procura do pokémon do tipo normal. Zigzagoon saiu logo atrás dele, o atingido com o Dig.
Torchic caiu fraco no chão, mas rapidamente se levantou. Os olhos estavam vermelhos e ele parecia disposto a acabar com aquele pokémon.

— Dê o seu melhor com um Ember! — disse, animado com aquilo. O policial estava confuso.

Torchic parecia não querer me obedecer. Puxou mais ar do que deveria e então soltou uma rajada de brasas que começavam a se chocar e voar em espiral. Rapidamente o campo estava com uma grande quantidade de fogo indo em direção ao pokémon tipo normal.

— Espera, não! — gritou o policial. — Corre, Zigzagoon.

Era tarde demais, o ataque de fogo atingiu Zigzagoon e o jogou para trás, já desmaiado. Ele já tinha sido atingido, mas Fire Spin misturado com a habilidade Blaze ativada, era demais para o pokémon adversário.


— Agora eu posso entrar? — perguntei. O policial saiu do caminho e eu entrei no museu.

— Que bom que você chegou! — disse o Capitão Stern. — Venha, as câmeras gravaram algo que possa te ajudar.

Torchic cambaleou e eu o  retornei para a Pokébola. Teria que ir no centro pokémon depois, todavia isso era urgente.



Treinamento do Shiny Torchic
Crédito do template a Tamy!






avatar
Kaay
Treinador Pokémon
Treinador Pokémon

Poke Regras :
Masculino Número de Mensagens : 1600
Idade : 17
Data de inscrição : 18/12/2012

Ficha de Personagem
Insignias Conquistadas :
1/1  (1/1)
Fitas Conquistadas:
1/1  (1/1)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Shadows — Kaay

Mensagem por Dtwist em 22nd Dezembro 2014, 14:16

Ultimate Star

Por que dessa nota ? Bom eu gostei muito da trama na qual você escolheu. A trama policial que você fez se encaixou muito bem com Pokémon uma coisa na qual eu não conseguiria fazer.

Esta tudo bem narrado tanto na história quanto na batalha, então não vejo motivo para nota menor.




avatar
Dtwist

Poke Regras :
Número de Mensagens : 384
Data de inscrição : 17/03/2014

Ficha de Personagem
Insignias Conquistadas :
1/1  (1/1)
Fitas Conquistadas:
1/1  (1/1)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Shadows — Kaay

Mensagem por Kaay em 11th Janeiro 2015, 20:59


Gravações
Vs Electrike




07:08 ~ Slateport Oceanic Museum


As gravações eram emocionantes. Primeiro, alguém jogava Wallace no chão e a seguir um grande pokémon escuro — Mightyena — o atacava com uma mordida. Sangue espirrava nas paredes e escorriam conforme uma conversa continuava.

— Tenho pena de você! — dizia o possível chefe do trio. Eles se viravam e Wallace ficava alguns segundos se movimentando, até parar. Depois de alguns minutos, um rangido na porta e um grito de mulher.



— Não tenho o que dizer sobre isso. Apenas não deixe esse vídeo vazar — comentei, enquanto me recuperava daquilo. Olhei para Torchic que respirava fundo e de cabeça baixa. — Torchic, tudo bem com você?

Torchic começou a brilhar e cresceu rapidamente, estrelas brilhavam ao redor enquanto ele se modificava e ficava mais forte. Terminou de brilhar e revelou sua nova forma, um frango. Ele era um frango especial, era shiny e, seus olhos vermelhos estavam intimidadores. Apontei a Pokedéx para o novo pokémon para verificar seus dados.



Combusken, the Young Fowl Pokémon.
Combusken é a forma evoluída de Torchic . Suas rápidas e poderosas pernas podem chutar até 10 vezes por segundo.


— Que demais, mas está se sentindo bem? — perguntei, acariciando a cabeça do pokémon frango-de-fogo. Combusken soltou um ataque de fogo para o alto, o que provavelmente seria um sim.

— Kaayan, você vai precisar de ajuda nisso.

Olhei confuso para ele. Não sabia exatamente se isso era uma pergunta ou se ele falou que eu era fraco. Considerei que fosse uma pergunta.

— Acho que nós podemos dar conta disso sozinhos — respondi, de maneira como se estivesse animado. Eu sempre mantive o mesmo modo de viver. Era solitário e tinha poucos perto de mim. — não quero colocar ninguém no meio disso.

— Não foi uma pergunta, ajudando você, você está nos ajudando. — o capitão parecia um pouco confuso com o que estava dizendo, mas continuou. — Logo no começo da rota que temos ao norte da cidade há um Electrike. Ninguém nunca conseguiu capturá-lo, se você tentar, será uma grande honra te ajudar no que for preciso.


07:13 ~ Route 110


Assenti e junto com Combusken, fui para a rota 110. Não foi difícil reconhecer o pokémon e questão. Soltava faíscas e treinava o tempo todo. Atingia árvores e pokémons com seus choques elétricos e suas mordidas, parecia feroz e decidido. Apontei a Pokedéx para ele e, mesmo de longe, ela registrou os dados.




Electrike, the Lightning Pokémon.
Usando a carga elétrica armazenada em sua pele, ele pode correr mais rápido do que o olho pode seguir.


Correu rapidamente até a árvore mais próxima e arrancou um pedaço usando uma mordida feroz. Combusken se preparou para o combate, mas continuou perto o suficiente para Electrike não o atacar. Já preparei uma Pokébola sobrando para capturar aquele pokémon, me parecia uma boa oportunidade. Me aproximei devagar do mesmo e Combusken o cercou, derrubando a árvore com um Slash.
A árvore cortada caiu e com um gigantesco estrondo espantou diversos pokémons e atraiu outros para ver a batalha que se iniciava. Combusken conseguiu chamar a atenção do cachorro elétrico, que se virou ferozmente. Fios de eletricidade passavam por seu corpo e iam para os lados.

Electrike demonstrou um pouco de seu poder elétrico usando o Charge, aumentando seus ataques elétricos, mas diminuindo sua defesa especial. Era uma vantagem e uma desvantagem usar isso.

— Cobusken, Ember!

O frango carregou os pulmões de ar e ao soltar, lançou uma pequena quantidade de brasas flamejantes. Conforme entravam em contato, se acendiam e explodiam perto do pokémon elétrico que desviava a cada pequenina explosão. Combusken usou o Ember novamente, enquanto o cachorro elétrico saltava e usava o Charge mais uma vez.

As brasas que o pokémon de fogo lançou acertaram as patas de Electrike, o fazendo cair de costas no chão, parando o charge na metade. Ele então se levantou e desapareceu, aparecendo novamente ao lado de Combusken, o atingindo com um Quick Attack. Combusken caiu de lado e se levantou devagar, olhou para o ágil cachorro elétrico e então usou o Sand Attack, passando as mãos pela terra e lançando um pouco nos olhos do adversário.

Rapidamente o pokémon amarelo e verde sacudiu a cabeça e avançou usando o Bite, as presas brancas estavam grandes e pareciam muito ferozes. Enquanto ia em direção do braço esquerdo de Combusken, o franguinho já se preparava para atacar com um Slash. As garras cresceram e ele cerrou os olhos para uma maior concentração.
Um segundo antes da mordia atingir seu braço, girou e com as garras acertou o lado esquerdo do cachorro elétrico que voou e caiu de costas no chão. O ataque parecia ter sido mais forte que o normal, talvez um crítico.

Combusken caiu de joelhos no chão, faíscas elétricas corriam pelo corpo do pintinho crescido, os pelos se arrepiaram e ele tentou levantar, todavia, não conseguiu, paralisado.

— Static... — sussurrei, apertando a pokébola já preparada para capturar o cachorro elétrico. Meu erro foi não perceber antes o que me cercava. Os pokémons observavam a batalha, o campo de terra poderia ser um bom isolante da eletricidade dos ataques de Electrike e a árvore caída seria bastante útil.

O único erro do adversário foi atacar com um Wild Charge. Fora o dano de recuo, o ataque poderia ser fatal para meu pokémon. Mas, nem sempre os ataques são certeiros, ainda mais quando o pokémon foi atingido por um Sand Attack.

— Combusken, escute bem o que eu vou te falar. Corra para a árvore usando o Quick Attack!

Combusken olhou para a árvore e tentou se movimentar, parando assim que deu o primeiro passo. Tentou novamente, conseguindo correr rápido o suficiente para chegar na árvore com um segundo Quick Attack. Electrike, com um pouco de dificuldade, desviou a rota e foi em direção da árvore caída. Se ele continuasse assim e o meu pokémon conseguisse desviar, eu tinha uma chance. esperei mais alguns segundos.

— Pula, agora! — gritei.

O pokémon tentou pular, mas não conseguiu subir pouco mais que quarenta centímetros. Foi atingindo nas pernas e instantaneamente foi lançado a alguns metros do local. Electrike não conseguiu parar e foi de cabeça na árvore, caindo de lado, exausto.

Arremessei a pokébola no cachorro elétrico e vi ele ser sugado para dentro da esfera brilhante. A bola vermelha e branca balançou para os lados três vezes, até parar e soltar um brilho esverdeado, que de dissipou rapidamente. Minha equipe tinha mais um integrante.


07:27 ~ Slateport's Pokémon Center


A espera era horripilante. Depois da captura bem sucedida, recolhi Combusken — estava desmaiado no meio do campo de terra — e saí correndo para o centro Pokémon mais perto dali, o de Slateport. Voltar sempre para a mesma cidade não tinha aquela sensação boa de retorno para casa. A primeira coisa que eu iria fazer após o término da investigação do caso era me mudar dali. Uma nova cidade, uma nova vida. Quem sabe um lugar onde eu não tenha que me preocupar tanto com assassinatos, roubos e sequestros. No que es estava pensando? Não há um paraíso desses na Terra.

A luz da enfermaria pokémon apagou e a enfermeira se aproximou de mim com duas pokébolas em mãos. Ao me entregar, apertei o botão e elas cresceram, rapidamente liberando os dois pokémons. Passei a mãe na cabeça do cachorro elétrico e ele assentou. Talvez precisasse de apenas carinho, ou uma família.

— Bem-vindo à equipe. — disse, sorrindo. Parei e pensei por alguns instantes. — A equipe não tem um nome. Hm... Que tal Shadows? Acho que combinam para uma equipe de investigações.

Os pokémons assentiram, e a postura séria voltou. Agora era seguir em direção do museu novamente, procurar qualquer pista que tenha passado sido despercebida.

— Precisamos resolver isso antes que mais alguém morra.


Evolução do Shiny Torchic, captura de um Electrike (M)
Crédito do template a Tamy!






avatar
Kaay
Treinador Pokémon
Treinador Pokémon

Poke Regras :
Masculino Número de Mensagens : 1600
Idade : 17
Data de inscrição : 18/12/2012

Ficha de Personagem
Insignias Conquistadas :
1/1  (1/1)
Fitas Conquistadas:
1/1  (1/1)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Shadows — Kaay

Mensagem por Dtwist em 16th Janeiro 2015, 12:31

Avaliado como: Evolução - Boa
Captura - Boa

Bom a sua jornada esta contagiante, porém uma coisa que me incomodou foi que você não relembrou ao menos um pouco do que aconteceu anteriormente. Apresentei um pouco de dificuldade para distinguir com quem estava falando, e sua batalha não tenho do que falar.




avatar
Dtwist

Poke Regras :
Número de Mensagens : 384
Data de inscrição : 17/03/2014

Ficha de Personagem
Insignias Conquistadas :
1/1  (1/1)
Fitas Conquistadas:
1/1  (1/1)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Shadows — Kaay

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum